Central Fotovoltaica

Utilizar energias renováveis é um dos maiores legados que podemos deixar para as futuras gerações. Por isso o Grupo Progresso está construindo a Usina Solar Cornélio Adriano Sanders com uma potência inicial de 1.628 kWp. São 5.120 placas solares de 320 watts instaladas sob uma estrutura metálica em solo, transformando a energia do sol em eletricidade. Essas placas estão conectadas a inversores de frequência, que ligados a uma subestação conduzem a energia gerada e disponibilizam na rede interna, utilizando-se da geração distribuída o projeto pode exportar energia nos períodos de maior incidência solar, somando assim créditos em kWh para utilizar nos períodos noturnos e de maior consumo. Com este projeto o Grupo caminha para a autossuficiência em energia elétrica limpa e renovável.